Presidente da Câmara de Juazeiro diz saber de informações sigilosas da justiça sobre prefeito de Juazeiro e levanta questionamento

Um vereador teria sido alertado para que ficasse longe do prefeito por haveria a mega operação


Imagens: Reprodução/ Portal Clécio

O prefeito Gledson Bezerra, em entrevista, alega que está enfrentando ameaças e alegações de uma possível Mega Operação policial para incriminá-lo. Durante um jantar reunião com o ministro do turismo Celso Sabino e outros prefeitos, o presidente da Câmara, Capitão Vieira Neto, teria alertado a um vereador que ficasse longe do prefeito, pois haveria “uma mega operação policial contra o prefeito até abril”.

O prefeito Gledson Bezerra, confrontando as acusações, revela a pressão e perseguição enfrentadas durante seus três anos de governo e diz que consegue provar o que o presidente da Câmara disse sobre saber da operação. Segundo as informações ditas pelo presidente da Câmara, não foi citado a fonte dessas informações judiciais, gerando dúvidas sobre o que foi dito e levantando questionamentos sobre possíveis vazamentos de dados da justiça ou órgãos investigativos, haja vista da gravidade das afirmações.

Em um contexto anterior, Capitão Vieira Neto teve seu mandato suspenso por 180 dias, assim como o de outros dois parlamentares. Apesar de não estar vinculado diretamente aos núcleos do esquema investigado, Vieira é apontado como proprietário de uma banca de Jogo do Bicho e operador de apostas online ilegais. O inquérito sugere seu envolvimento em atividades ilícitas, utilizando uma construtora em Fortaleza para ocultar valores oriundos dessas práticas. O vereador retornou à Câmara em maio de 2022, assumindo a presidência após o afastamento do colega.

Por: Redação Caririensi

Gostou da matéria, Compartilhe!

Scroll to Top